Fall In Love With More Free Templates! Click Here To Get Your Own Smitten Blog Design... »

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Novidades Farma Delivery: Saiba mais sobre o sedentarismo!





Pesquisa aponta que mais da metade das mulheres é sedentária

Mulheres praticam menos exercícios físicos que os homens. É o que indica a pesquisa Datafolha sobre Fatores de Risco Cardiovascular, encomendada pela Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP), realizada em regiões chave do estado de São Paulo e que reuniu mais de duas mil entrevistas. Um destes fatores de riscos é o sedentarismo que atinge 57% das mulheres pesquisadas que responderam não praticar atividades físicas que resultam em cansaço e/ou suor.

'' As mulheres têm mais atividades durante o dia e diferentes prioridades que os homens, porém há um mito de que a mulher demora mais para ter acidentes cardiovasculares que os homens'', explica Rogério Krakauer, diretor da Regional SOCESp ABCDM. Segundo o cardiologista, o que mais preocupa é este mito, que diminui a preocupação e prevenção das mulheres quanto a saúde cardiovascular.

Krakauer explica ainda que há sim um atraso de dez anos na média de idade na qual ocorre derrames e infartos: no homem acontece por volta dos 55 anos, já na mulher, 65 anos. Isso acontece por causa dos hormônios. '' No entanto, quando acontece um evento cardiovascular em uma mulher jovem, ele tende a ser mais grave e com complicações maiores, até por causa do diagnóstico'', alerta.

O diagnóstico errôneo muitas vezes acontece por causa do mito de que mulheres jovem têm menos eventos cardiovasculares e pelos próprios sintomas não tão característicos. Os outros fatores de risco são hipertensão, diabetes, colesterol alto, obesidade abdominal e tabagismo.

Prevenção

Segundo Krakauer, a prática de atividades físicas reduz em até 65% as chances de acidentes cardiovasculares, '' É mais do que qualquer outro tipo de intervenção'', afirma. Reduz também outros fatores de risco como colesterol, glicose (diabetes) e pressão arterial.

Outros dados

As atividades físicas mais citadas foram caminhada/cooper, futebol e musculação, sendo que a grande maioria dos que pratica, 33%, citou caminhada/cooper. Do total de entrevistados, 43% não praticam nenhuma atividade física.

Já a porcentagem dos que não praticam nenhuma atividade física cresce à medida que o nível de escolaridade e classe social cai, sendo 65% em classes D e E e 43% em classes A e B. Dos que afirmam ter ensino fundamental, 56% não praticavam atividades físicas. Esta porcentagem cai para 39% entre aqueles de nível superior. '' Falta informação e tempo para realizar atividades físicas como uma forma de prevenção'', finaliza o cardiologista.

Repórter Diário - www.reporterdiario.com.br

Fonte: Página 12 da Revista farmadelivery.com - Ano IV - Maio / Junho / 2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, seja bem-vindo (a) ao Para Meninas & Mulheres!

Deixe seu recadinho e ficarei muito feliz em responde-lo!

Obrigada pela visita! Beijos!